href='https://sites.google.com/site/gerenciandoblog/arquivos/paginacao-abu-farhan-01.css’ rel='stylesheet' type='text/css'/>

Minha Perda de Peso

terça-feira, 31 de julho de 2012

Manutenção, sua bandida!

Meninas sabem o que todo mundo diz: o mais difícil de uma dieta não é o “durante”, mas sim o “depois”, o manter o peso quando se o conseguiu perder. Li uma matéria recentemente sobre 7 truques para não recuperar todo o peso perdido. Bom minha meta de vida: continuar usando 36 rsrs e sempre pesar menos de 60, preferencialmente na casinha do 58! Sábado é dia pesagem oficialmente!

1 - dieta saudável

A dieta não pode ser algo temporário, tem de ser encarada como um modo de vida. Mas atenção: dieta saudável não corresponde a comer muito pouco nem a passar fome. Corresponde, sim, a fornecer ao organismo a nutrição exatamente necessária para manter o metabolismo acelerado e o corpo bem nutrido. A ementa ideal deve conter: alimentos energéticos; alimentos reguladores (de três a cinco frutas e quatro ou cinco porções de hortaliças); alimentos construtores (três porções de laticínios, uma ou duas de carne e ovos e uma de leguminosas). NESSE ITEM ESTOU 10!

2 – Faça mudanças permanentes no seu estilo de vida

A atividade física é essencial. Mas começar a ter hábitos de exercício físico não é complicado. O pior é mantê-los com a frequência desejável. Não desista. Mesmo quando chegar ao ponto ideal de peso, a atividade é necessária. Mas atenção! Não existe nenhuma fórmula mágica para manter a regularidade do desporto. Mas há um bom início: escolha uma atividade que lhe dê prazer e que o faça sentir-se sempre motivado quando estiver na hora de praticar. Se esse desporto for difícil de praticar com regularidade por necessitar de mais jogadores, coordene essa atividade com outras que sejam mais simples de praticar com frequência. NOTA 05, MAS RUMO AO 10

3 – Reduza a ingestão calórica

Tal como já dissemos acima, não é preciso viver em regime apertado. Basta cortar 100 calorias por dia, o que não é um grande sacrifício. Se não acredita, repare: duas fatias de abacaxi, com 80 gramas cada, alcançam esse valor, assim como 2 colheres de sopa de queijo parmesão ralado. Se poupar 100 calorias por dia, numa semana são 700 e, em 5 meses, 15 mil. Isto vai dar um total de 2 quilos que você não ganhou. Se juntar estes cálculos com uma prática física moderada durante 20 minutos, outras 100 calorias por dia desaparecem. INTERESSANTE

4 – Anote todos os dias tudo aquilo que comeu e que exercício praticou

Ao anotar tudo, tem mais clareza para analisar os deslizes que cometeu. E deve anotar tanto quantitativa como qualitativamente tudo o que comeu. Veja um exemplo: se comer só salada ao almoço, mas meter muita maionese na mesma como tempero, vai acabar por perceber, analisando o menu da semana, que se calhar foi aí que esteve o erro que tem impedido os resultados. Outra armadilha que este hábito pode evitar é aquela de saltar uma refeição, e pensar que assim perdeu calorias. Ora, mas possivelmente na refeição seguinte ultrapassou os limites. Assim, anotando tudo, ajuda a criar e manter a autodisciplina. VOLTANDO A ADOTAR O MÉTODO!

5 – Estabeleça metas possíveis de alcançar

Prazos reais. É esta a regra fundamental. De facto, é desmoralizante quando não se alcançam os objetivos no tempo que se estabeleceu. Mas, muitas vezes, o problema está em estabelecer metas inviáveis ou mesmo perigosas. Ora veja: quem decidiu para si que vai emagrecer 5 kg numa semana não só pode acabar muito desmotivado como também pode acabar por prejudicar a sua própria saúde. Será mais saudável impor-se a perda de 600 gramas semanais, que é uma meta muito mais possível e recomendado pela OMS. FICA A DICA

6 – Procure apoio na família e amigos

Contar com o apoio daqueles que querem o seu bem pode ser fundamental. O comprometimento com o objetivo é decisivo, e por vezes em momentos mais complicados é na família e amigos que se deve ir buscar energia. GRAÇAS A DEUS , TENHO A BLOGSFERA E O SUPER COMPANHEIRO

7 – Tenha sempre em mente as suas reais motivações para emagrecer e os benefícios que a perda de peso pode trazer para a saúde.

Além de melhorar a sua autoestima, perder peso vai ajudá-lo onde é mais precioso: na saúde. Efetivamente, emagrecer traz benefícios a nível de controlo da pressão arterial, de diminuição do risco de diabetes, derrame e doenças cardiovasculares. Além do mais, diminuirá naturalmente a pressão sobre as suas articulações, costas e quadris.

2 comentários:

  1. Muito bom o texto Deise... Em relação a diminuir a pressão arterial, estou vivendo isso... Meu médico até suspendeu meu remédio... Depois que comecei na academia minha PA diminuiu, está normalizando...
    Obrigada pelas palavras e incentivos de sempre...
    beijo

    ResponderExcluir
  2. Uauuuu Deise, hj que vi seu antes e depois!!! Nossa foi minha inspiração do dia, e adoreiii post sobre manutenção, pois é a fase mais difícil, acredito eu!!! Mais sua força de vontade é admirável, parabéns!!!
    Bjaum

    ResponderExcluir